Quarta-Feira, 30 de Novembro de 2022

Um novo frescor

O apartamento de 112 m² localizado na Vila Nova Conceição, em SP, passou por uma reforma afim e que os novos moradores se sentissem “abraçados”, mas ao mesmo tempo identificassem a personalidade deles em cada ambiente. Texto: divulgação. Fotos: Julia Ribeiro.

O projeto, cima de tudo, não deixa a beleza, a elegância e a fucionaldade de lado. Para isso, contaram com a ajuda da Arquiteta Juliana Doria do escritório Mouve Arquitetura.

 

A planta do apê foi totalmente reformulada para se adequar ao que os clientes desejavam. A cozinha se uniu com a antiga sala de jantar tornando-se mais ampla, a primeira suíte cedeu seu espaço para ampliar o living e também aumentar o closet da suíte do casal, e ainda foi projetado um novo quarto teen, juntando o dormitório de serviço com a circulação íntima.

 

De todas as soluções, a cozinha foi o ambiente que mais se destacou. A metragem praticamente dobrou, remanejou-se os pontos hidráulicos para a parede mais próxima da sala, mantivendo uma circulação excelente, aumentou-se a luminosidade, e ainda foi possível criar uma bancada de refeições rápidas próxima à área social. Painéis de correr em madeira foram instalados para permitir que a cozinha fique integrada ou isolada da área social.

 

Todo mobiliário fixo foi projetado e detalhado pela Mouve, com execução da Marcenaria KL. Optaram pela marcenaria sob medida para máximo aproveitamento do apartamento da forma mais adequada. Já o mobiliário solto como sofás, mesas, cadeiras, foram escolhidos junto com a cliente complementando o conceito e paleta de cores do projeto. Destaque para Cadeiras Serafina Alta e Cadeira Donna de Fernando Jaeger e Luminária Bauhaus Piso do Fernando Prado.

 

A maior parte da iluminação foi projetada indireta, utilizando sancas e perfis led com difusor, levando em consideração o desejo da cliente em deixar os ambientes aconchegantes. A marcenaria teve alguns nichos e prateleiras com iluminação de destaque para adornos, e nas áreas de trabalho como bancadas de estudo e cozinha usou iluminação funcional, proporcionando maior luminosidade.

 

O moodboard do projeto foi pensado para ter a base neutra em tom de cinza, mas a profissional também trabalhou essa neutralidade trazendo diferentes texturas como um painel ripado de marcenaria, tramas nos tecidos e veios em revestimentos. Alguns tons quentes mais coloridos como terracota e amarelo ocre entraram em almofadas, adornos, quadros e papel de parede dando o toque sofisticado que faltava.

Compartilhar artigo:

Quarta-Feira, 30 de Novembro de 2022
ArQXP – Experiências Inovadoras em Construção | Alameda Lorena, 800 | Cj. 602 CEP 01424-000 Tel.: 55 (11) 2619.0752