Terca-Feira, 27 de Setembro de 2022

São Paulo ganha jardins verticais com mais de 6 mil floreiras

Ao lado do Hotel Fasano, shopping foge da arquitetura tradicional e traz a natureza como diferencial para a cidade. Texto e fotos: Divulgação

Quem passar pela Rua Haddock Lobo, próximo à rua Oscar Freire, em São Paulo-SP, poderá avistar uma fachada verde que chama a atenção. Trata-se de um novíssimo jardim vertical, que faz parte da ambientação e decoração do CJ Shops Jardins. Ao lado do Hotel Fasano e com as principais marcas nacionais e internacionais, o shopping foge da arquitetura tradicional e traz a natureza para dentro da cidade. ­­

O empreendimento da JHSF tem projeto assinado pelo arquiteto Arthur Casas, que reinventou o conceito de shopping center, levando luz e ventilação natural ao local, terraços e jardins a céu aberto. O paisagismo ficou por conta de Maria João d’Orey e a execução da Ecotelhado.

O CJ Shops Jardins tem 6.000 m² de área bruta locável e, além da parede verde logo na entrada, os jardins compuseram a fachada interna de algumas lojas, como a Gucci. Ao sair da escada rolante, o público se depara com a beleza inspiradora dos jardins verticais em cada um dos quatro andares.

Acima, fachada da loja da Gucci. Destaque para a parede verde.

Segundo João Manuel Feijó, especialista em Design Biofílico da Ecotelhado, mais de 6 mil floreiras de plástico 100% reciclado foram instaladas no shopping. Encaixadas em suportes de aço galvanizados, elas possuem um reservatório de água com aberturas na parte inferior, por onde passa o excedente de água para a irrigação de todas as outras jardineiras da coluna.

O sistema automatizado de irrigação facilita o crescimento das raízes e a manutenção saudável das plantas. As paredes verdes são compostas por jiboias, uma espécie de planta resistente e que se adapta bem em ambientes abertos ou fechados. É uma trepadeira de fácil manutenção. Os jardins trouxeram um verdadeiro respiro na correria dos paulistanos.

“Este é um importante momento para entender o papel da infraestrutura verde nos centros urbanos. Com estratégias para tornarem as cidades menos poluídas e mais resilientes, projetos que possibilitam a reconexão com a natureza, como esse, transformarão o presente e o futuro da arquitetura. Nosso foco é melhorar a qualidade de vida das pessoas e do planeta com mais verde”, ressalta Feijó.

Serviço

Para mais informações sobre a Ecotelhado, acesse www.ecotelhado.com.

Compartilhar artigo:

Terca-Feira, 27 de Setembro de 2022
ArQXP – Experiências Inovadoras em Construção | Alameda Lorena, 800 | Cj. 602 CEP 01424-000 Tel.: 55 (11) 2619.0752