Diferentes tipos e imagens podem facilitar no desenvolvimento das diversas fases dos pequenos. Texto: Divulgação | Fotos: Renata Freitas; Divulgação

O quarto das crianças tem um papel fundamental no desenvolvimento infantil, afinal é o único espaço da casa feito exclusivamente para elas. É onde ela brinca, faz as tarefas de casa e passa grande parte do seu dia. Um ambiente agradável, acolhedor e aconchegante é essencial para estimular a criatividade da criança, além de auxiliar em seu desenvolvimento. Por isso, deve estar associado à segurança, ao conforto e aos estímulos para brincadeiras e estudos.

Pequenos detalhes na decoração, como a utilização de quadros, podem fazer diferença no desenvolvimento e nos estímulos para a criançada de todas as idades, além de agregar essência, imprimir personalidade e ajudar a finalizar a decoração. Isso pode ser alcançado com apenas uma peça ou pela seleção de várias para compor uma Urban Wall, o importante é não deixar faltar esse colorido no décor.

Obras Foguete Espaço (à esquerda) e Nave Espacial, por Juarez Machado.

Com mais de 140 mil obras de mais de 6 mil artistas em seu portfólio, a Urban Arts conta com diversas opções de quadros e imagens pensadas para este público, que merece especial atenção. Convidada pela marca para dar dicas sobre como decorar o espaço dos pequenos, a arquiteta Juliana Fabrizzi alerta que, no projeto de um quarto de bebê, o essencial é transmitir tranquilidade, delicadeza e conforto. “O ideal é pensar em um layout prático e funcional, além de uma paleta de cores mais neutra, transmitindo paz e tranquilidade”, afirma.

O excesso de cores e de elementos estimulantes são erros comuns dos pais que pensam em um local feito para apenas uma fase do desenvolvimento da criança. “Para os bebês, a base em tons claros são uma das melhores opções para a decoração. Além de criar um ambiente clean, ressaltam pureza e leveza”.

Confira algumas sugestões de quadros para bebês: 1. Quadro Booo, da artista Karenrulez; 2. Quadro Girafinha Chevron, da artista Juliana Lima; 3. Quadro A Viagem, da artista Tatiana Gomes; 4. Quadro A Chuva, da artista Tatiana Gomes; 5. Quadro Puppy Little Lady, de Clariart.

Conforme a criança vai crescendo, suas necessidades e desejos mudam. Elas devem ter um quarto divertido, que estimule a criatividade. Para a arquiteta, um papel de parede diferente, combinado com elementos – como quadros – com cores vibrantes e alegres, são ideais para conseguir acompanhar a evolução dos pequenos.

Confira algumas sugestões de quadros para crianças: 1. Quadro Caixa de Lápis de Cor, da artista Sabrina Matias; 2. Quadro Pequeno Alfabeto de RAFA MACIEL; 3. Quadro AVENTURA 1, de Mauricio Bueno; 4. Quadro Infância dos anos 90, de Rafael Bianchini; 5. Quadro O Pequeno Príncipe II, de Bruna Dias Neves.

Já os adolescentes são sempre cheios de personalidade, portanto, é importante observar os gostos de cada um, desde a paleta de cores até o mobiliário. “É preciso criar um ambiente moderno e funcional conforme o estilo do adolescente, apostando na criatividade da decoração com cortinas, almofadas, tapetes, quadros e papel de parede”, completa.

Confira algumas sugestões de quadros para adolescentes: 1. Quadro Dragon Ball – SON GOKU, por Victor Lima; 2. Quadro Medusa Teen, de Limetown Studios; 3. Quadro Toyimagem 8, de Toyimagem; 4. Quadro A festa é logo ali, por Sandália Furada; 5. Regras por LEDENKER, de Ledenker.

Serviço

Para mais informações sobre a Uban Arts e seus produtos, acesse www.urbanarts.com.br.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.