O projeto de 280 m², localizado em São Paulo, foi realizado em três meses, transformando completamente espaços que não estavam sendo bem aproveitados pelos proprietários| Texto: Larissa Cruz; Fotos: Fernando Crescenti;

O projeto Casa Vila Mariana, localizado em São Paulo, foi feito para um casal sem filhos que desejava otimizar os ambientes e aproveitar melhor os espaços. Realizado pela designer de interiores Júlia Otaga e inspirado pela personalidade dos proprietários, os  ambientes  bem divididos  e  apertados foram transformados em locais agradáveis e  espaçosos.

Por causa dos pets do casal, Júlia Otaga optou por utilizar porcelanato ao invés de pisos de madeira, outro desafio foi  atender  as medidas  totalmente  fora  do  padrão, já  que  os clientes têm mais de 1,80m de altura. A marcenaria  toda  também  teve  que  levar  em  consideração  medidas  pré-definidas,  por  causa do  tamanho dos objetos que seriam guardados. Para a casa  ficar mais organizada, um ponto importante do briefing foi manter escondidos fios elétricos, entre outras coisas.

Os  moradores  queriam deixar o quarto mais amplo e precisavam de  um espaço  para  home  office. O imóvel de 280 foi totalmente reformado  e entregue em três meses. Para que os ambientes ficassem mais integrados, foram removidas  paredes  e  shafts e um corredor foi transformado em um escritório integrado à suíte.

O principal destaque do projeto foi a otimização das plantas. “Ampliamos o banheiro para colocar uma  banheira  com  capacidade  de  415  litros  (banheira Riolax 1027), removemos um banheiro pequeno  que não era utilizado para incluir uma penteadeira grande, alteramos  a  posição  da  porta  do  quarto  para  criar  um  home office dentro da suíte, removendo parte do corredor  existente.  No  térreo,  também  removemos  shafts  para  ampliar a cozinha e incluir armários, e criamos uma ilha  com cooktop” comenta Júlia Otaga.

A casa como um todo  era  bem  neutra  e  já  havia  passado  por  uma  reforma. Dividida em diversos ambientes, tinha móveis pequenos e  sem  apelo  visual.  Trouxemos  cor  e  textura à residência,  utilizando revestimentos como o Pietra Grey, da Portinari, e  os  tijolos  da  Passeio  Revestimentos, que  deram  sofisticação e aconchego aos ambientes. A mesa lateral foi assinada por Jader Almeida e os pendentes são Wentz Design.

A personalidade  dos clientes também é bem marcante, por isso o projeto  destacou os móveis e objetos de estimação da dupla, caso  do aparador – que era da avó da cliente, a luminária em  formato  de  boneco  (que  ficou  em  um  dos  nichos  do  escritório), entre  outros.  Cada medida levou em  conta  o  tamanho  dos  objetos  já  existentes. O  filme  Pulp  Fiction,  clássico  do  diretor Quentin  Tarantino) também foi tema  constante  na  decoração,  por  fazer  parte  da  história  do  casal.

Fornecedores

Material/ Serviço Empresa
Civil  Reformular
Elétrica  Carlos Uekubo
Revestimentos  Passeio  

Revestimentos,  Castelatto,  

Eliane,  Tintas  Suvinil,  

Portinari.

 

Serviço

Design de interiores: Escritório Júlia Otaga Interiores

Gerenciamento de obra: Escritório Júlia Otaga Interiores

Engenheiro Responsável: Sergio Canashiro. 

Local (bairro + cidade): Vila Mariana, São Paulo, SP. Obra civil: reformular 

Área construída: 280m² 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.