Preparo da base para assentamento de piscinas de fibra de vidro

0
362

Como impermeabilizar a base que recebe piscinas de fibra de vidro?

De forma geral, as piscinas de fibra de vidro não requerem impermeabilização, pois a sua estrutura é rígida e estanque, sendo, portanto, resistente a vazamentos.

É importante a escolha de uma piscina de fibra com barreira química (resina éster-vinílica) para prevenir a ocorrência de osmose que reduz a rigidez e provoca o aparecimento de bolhas. Além disso, deve-se prevenir o aparecimento de esforços de flexão e de torção em função do desnivelamento do terreno de suporte da piscina, que podem ocasionar trincas e vazamentos. Neste caso, recomenda-se a execução de piso liso (queimado) com 10 cm de altura, nivelado, de forma a garantir a planeza e a distribuição uniforme de tensões na base de apoio da piscina. As laterais da piscina devem ser preenchidas com uma mistura seca de areia e cimento (“farofa”).

Resposta dada por Thomaz Eduardo Teixeira Buttignol, professor de Engenharia Civil da Universidade Presbiteriana Mackenzie Campinas

Como deve ser feita a cobertura sobre um reforço estrutural de fibra de carbono? Reboco tradicional, gesso? 

A proteção sobre um reforço de fibra de carbono não é um reboco tradicional e nem gesso. O ideal é utilizar uma argamassa polimérica ou uma pintura a base epóxi. Caso o reforço seja feito em um local com alto risco de incêndio ou de impactos, essa proteção deverá ser especial e estudada para cada caso.

Fabio Selleio Prado, professor do curso de Engenharia Civil do Instituto Mauá de Tecnologia

Matéria originalmente publicada na revista Téchne.

0 0 vote
Article Rating
Subscribe
Notify of
guest

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

0 Comentários
Inline Feedbacks
View all comments