Terca-Feira, 27 de Setembro de 2022

Morre Paulo Mendes da Rocha, gigante da arquitetura brasileira

Morreu na madrugada deste domingo (23), aos 92 anos, o arquiteto Paulo Mendes da Rocha. Ele tinha um câncer de pulmão e estava internado em São Paulo.

Segundo biografia do CAU/BR, Paulo era arquiteto, urbanista e professor, Paulo Archias Mendes da Rocha nasceu em Vitória (Espírito Santo) em 1928. Em 1954, formou-se na Faculdade de Arquitetura e Urbanismo da Universidade Presbiteriana Mackenzie, em São Paulo. Filho do engenheiro de portos e vias navegáveis Paulo Menezes Mendes da Rocha, diretor da Escola Politécnica da Universidade de São Paulo – Poli/USP entre 1943 e 1947, tinha uma formação familiar ligada à reflexão sobre a relação entre engenharia e natureza.

Destacou-se muito cedo, aos 29 anos, ao vencer o concurso para o Ginásio do Clube Atlético Paulistano, 1958, obra que lhe vale o Grande Prêmio Presidência da República na 6ª Bienal Internacional de São Paulo, em 1961. Integra, a partir de então, o grupo que, com a liderança de Vilanova Artigas, constitui a chamada “escola paulista” na arquitetura. Realizou entre 1960 e 1961 projetos de escolas para a rede pública e ingressou como professor na Faculdade de Arquitetura e Urbanismo da Universidade de São Paulo – FAU/USP. Datam desse período obras fundamentais como a sede social do Jockey Club de Goiânia, 1962, o edifício residencial Guaimbê e a própria residência, 1964, no bairro do Butantã, ambos em São Paulo.

Compartilhar artigo:

Terca-Feira, 27 de Setembro de 2022
ArQXP – Experiências Inovadoras em Construção | Alameda Lorena, 800 | Cj. 602 CEP 01424-000 Tel.: 55 (11) 2619.0752