O iCON, Hub de Inovação da Construção do SindusCon–SP, tem como meta fomentar o empreendedorismo unindo construtoras, organizações, startup e centros de conhecimento e tecnologia em um só espaço.

Fotos: Pedro Zuccolotto

A construção é uma das atividades laborais mais antigas que existem. Assim, se torna natural que o setor tenha crescido em um ambiente extremamente tradicional, o que pode trazer dificuldades às empresas para inovarem. Mas afinal, o que é de fato inovação nesse ambiente? “A prática de inovar abarca a geração de novas possibilidades para que as companhias encontrem condições de efetivarem seus objetivos e estratégias de negócio, colecionando aprendizados e vislumbrando novos horizontes e oportunidades.” Quem explica isso é Conrado Rabelo. O engenheiro civil é parte do iCON Hub, o Hub de Inovação da Construção Civil idealizado pelo SindusCon–SP em parceria com a Neo Ventures.

TRADIÇÃO NA ENTIDADE, INOVAÇÃO NAS PRÁTICAS 

O SindusCon–SP criou um espaço dentro da sua sede para receber empresas que têm o objetivo de investir em inovação, abrindo suas “portas” para que startups e centros de tecnologia possam desenvolver soluções de forma conjunta, bem como promover a integração de todos os players do setor, como fornecedores de materiais, insumos, serviços e tecnologia, investidores (venture capitalists) e também a academia. “A nossa estrutura física serve de ponto de apoio para as etapas presenciais do desenvolvimento dos projetos com nossos mantenedores e se propõe a gerar e potencializar o conceito de densidade, de empresas e pessoas, tão importante e necessária para que um ambiente de inovação prospere”, conta Rabelo. A ideia, segundo ele, é inserir todos esses players do mercado no mesmo ambiente físico, o que permite interação de uma forma colaborativa, trazendo novas soluções e modelos de negócio. Nem tudo são flores, claro. Um setor extremamente tradicional como o da construção civil naturalmente apresenta resistência para novas práticas. Isso, no entanto, parece ter mudado. “Percebo as empresas buscando desenvolver internamente uma cultura de inovação, e sinto que o próximo passo a ser dado para transpor essa barreira que dificulta a prática de inovar é abrir-se ao mercado e permitir que outras empresas e agentes do ecossistema participem, agregando valor e conhecimento neste processo”, finaliza o engenheiro.

Vista panorâmica do espaço destinado ao iCON Hub, na sede do SindusCon-SP, em São Paulo. Ambiente multifuncional, pensado para promover a inovação.

O HEAD DA OPERAÇÃO 

Conrado Rabelo é Engenheiro Civil formado pela Universidade Presbiteriana Mackenzie. Especializado em Corporate&Startup Engagement pela Fundação Vanzolini e Pós-Graduando do MBA de Gestão Empresarial pela Fundação Getúlio Vargas (FGV), o executivo tem ampla experiência no mercado imobiliário e de construção. Fundou a startup PNM Tecnologia, é membro da Comissão de Estudo Especial de Modelagem de Informação da Construção – BIM (ABNT/ CEE-134) e participou do processo de criação e estruturação do iCON Hub, o Hub de Inovação da Construção Civil idealizado pelo SindusCon–SP em parceria com a Neo Ventures. Atualmente é Head do iCON Hub e vem trabalhando e estimulando o desenvolvimento do ecossistema de inovação no Brasil por meio do engajamento entre corporação e startup.

Conrado Rabelo, à frente da iniciativa.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.