O evento reunirá projetos e soluções que propõem a sustentabilidade, o bem-estar do Planeta e a Zero energia. As inscrições estão abertas e são gratuitas | Texto e fotos: Divulgação

Entre os dias 16 e 20 de novembro, acontecerá a Greenbuilding Brasil 2020 Conferência Internacional pela primeira vez em formato completamente on-line. Este é o principal evento de construções sustentáveis da América Latina e reunirá projetos que propõem a sustentabilidade, o bem-estar do Planeta e a Zero energia. As inscrições estão abertas e são gratuitas!

A proposta deste ano é apresentar novas tecnologias que pretendem revolucionar negócios e resolver os problemas mais presentes no mundo, como eficiência energética, conforto térmico, reuso de águas da chuva e águas cinzas, economia circular, saúde e bem-estar, por exemplo.

Outro foco relevante da conferência é abordar a resiliência das edificações e das cidades. Especialistas em arquitetura, engenharia e Design Biofílico compartilharão ideias e possibilidades para um planejamento urbano inovador, que garanta os recursos naturais imprescindíveis para essa e as próximas gerações.

Escritório tem telhado verde com captação de água da chuva, paredes verdes e lago

O engenheiro e especialista em Design Biofílico João Manuel Feijó, da Ecotelhado, compartilhará a evolução dos telhados verdes, jardins verticais, lagos biológicos e Brise Vegetal. A empresa brasileira é pioneira no desenvolvimento de sistemas para infraestrutura verde e tem transformado o mercado com a integração de tecnologias que armazenam água da chuva, tratam águas cinzas e trabalham em favor da natureza e não contra ela.

O Sistema Construtivo Biofílico pode funcionar como muro, além de estruturar paredes e integrar outros sistemas

“Apresentaremos o Sistema Construtivo Biofílico, que pode funcionar como muro ecologicamente correto e estruturar paredes vegetadas de casas inteiras.  Podemos compor o sistema de alvenaria tradicional, steel frame e wood frame. A inovação vai permitir integrar ainda outros sistemas, como telhados verdes com bacia de detenção de água da chuva e tratamento de efluentes”, explica Feijó.

Com largura de 10cm ou 15 cm, uma espécie de grelha plástica é montada com argila expandida, terra ou outro substrato mais fértil. Na parte externa da estrutura, há espaço destinado às plantas e suas raízes se comunicam internamente. A manutenção é simples e garantida com irrigação de reuso de água, integrado a lagos também. A vegetação pode ser colocada apenas em um lado ou nos dois.

O conforto térmico é uma das vantagens dessa estrutura. Em dias quentes, reduz a temperatura interna e, consequentemente, diminui o uso de ar condicionado ou ventilador. Em dias frios, mantém a temperatura mais agradável do lado de dentro.  Além disso, atua como isolante acústico, minimizando os incômodos e barulhos entre vizinhos.

Muro de boa vizinhança com Sistema Construtivo Biofílico Ecotelhado proporciona conforto térmico e acústico

“No lugar abundante de alvenaria e pinturas, o verde se renova todos os dias. Ao invés de jogarmos água na rede pública, reusamos de forma orgânica e obtemos independência de água. Estamos conectando as novas tecnologias ao cotidiano e promovendo hábitos ecológicos para preservar e minimizar o impacto da construção”, ressalta o engenheiro da Ecotelhado.

Serviço

Para se inscrever na palestra gratuita do “Sistema Construtivo Biofílico”, da Ecotelhado, acesse www.greenbuildingbrasil.org.br. Sobre os sistemas Ecotelhado, confira www.ecotelhado.com.br.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.