Empresa catarinense foi selecionada no Desafio Estágio 4.i, do Instituto Euvaldo Lodi (IEL) e conquistou o selo Conecta Startup Brasil. Texto e foto: Divulgação

Inovação é um dos pilares do planejamento estratégico da Ciser, maior fabricante de fixadores da América Latina. A empresa catarinense foi uma das 10 selecionadas para o Desafio Estágio 4.i, do Instituto Euvaldo Lodi (IEL), estimulando jovens talentos acadêmicos e, por meio do programa Ciser+ Inovação — que incentiva ideias inovadoras por meio do relacionamento com aceleradoras, startups, outras grandes empresas, órgãos de fomento e universidades —, foi reconhecida com o selo Conecta Startup Brasil, organizado pela Softex em parceria com a Agência Brasileira de Desenvolvimento Industrial (ABDI), do Ministério da Economia.

A foto acima foi tirada em um contexto pré-pandemia, quando não havia obrigatoriedade de uso de máscara de proteção

Com uma história de 61 anos, completados em outubro, a Ciser atua no fornecimento de soluções industriais para diversos segmentos, conta também com um portfólio completo de produtos para o segmento da construção civil e correlatos.

Incentivando jovens talentos

O Desafio Estágio 4.i, do IEL, tem como objetivo reconhecer e incentivar a implementação dos projetos inovadores na jornada acadêmica e profissional dos jovens talentos, proporcionando resultados para as indústrias e para os segmentos envolvidos, contribuindo para aumentar o desenvolvimento e competitividade de todas as frentes. Trata-se de uma competição para resolução de desafios da indústria por estudantes de engenharia mecânica, engenharia de materiais e design industrial, no qual os vencedores serão selecionados pela empresa para a implementação da solução.

A Ciser cadastrou um desafio de conformação a frio sem óleo. A premiação da melhor solução está prevista para sair no dia 18/11. O desafio foi elaborado em conjunto pelas áreas de Inovação, Engenharia, Gestão de Pessoas e Marketing da empresa. “Participar desta ação é uma estratégia para fixar a marca em futuros especificadores de projetos e uma forma de captar jovens talentos. Também é uma oportunidade de inovar de fora para dentro, trazendo talentos em parceria com nossos colaboradores para cocriar soluções diferentes e inovadoras, que nos levem a um patamar superior de eficiência e excelência profissional”, detalha Aluisio Goulart Lopes, novo head de Inovação da empresa, com mais de 20 anos de experiência em empresas multinacionais, de grande porte.

A atuação da Ciser no incentivo aos jovens talentos não é recente. A empresa já realizou cinco edições do Prêmio Ciser de Inovação Tecnológica, outra iniciativa pioneira da companhia nesse campo, que tem como objetivo o estímulo à inovação no meio acadêmico, envolvendo estudantes do ensino técnico ao ensino superior. “Também buscamos incentivar ideias inovadoras e espírito empreendedor por meio de patrocínios das equipes de competição em universidades”, destaca o profissional.

Formando um ecossistema de inovação

Com forte investimento em inovação tecnológica, a Ciser tem construído sua trajetória de excelência conquistando prêmios de inovação no âmbito regional e nacional, estando entre as empresas mais inovadoras do Sul do Brasil, segundo o Grupo Amanhã. Também já foi contemplada pelo Prêmio Nacional de Inovação, Prêmio Stemmer, entre outros. Agora, a empresa recebeu o selo “Conecta Startup Brasil”, organizado pela Softex em parceria com a Agência Brasileira de Desenvolvimento Industrial (ABDI), do Ministério da Economia.

Por meio do programa Ciser+ Inovação, a empresa aderiu ao Programa Nacional Conexão Startup Indústria, da ABDI, com o propósito de alavancar soluções e experimentar novas metodologias e processos, como também sensibilizar e capacitar empreendedores sobre a importância das conexões e aperfeiçoar o ecossistema de inovação. “O selo representa uma nova fase da companhia, um momento de transformação e de entendimento de que inovação não se faz sozinho. Estamos abertos a cocriar soluções inovadoras e acreditamos que as startups poderão dar a velocidade que precisamos para novos modelos de negócio, alinhados à necessidade de transformação digital”, conclui Aluisio.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.